Mensagens

Sobre rodas

Imagem
O regresso ao trabalho tem decorrido sobre rodas, mas a velocidade moderada. De forma gradual, como que a ver como corre, tenho juntado o que restou para tentar fazer o meu caminho nos próximos tempos. Muito se perdeu, é certo, mas agora tenho a oportunidade de, mais uma vez, recomeçar. Ser profissional de saúde no nosso país dota-nos desta flexibilidade para mudar constantemente de vida.

A horta

Imagem
Esta semana ainda não me foi permitido o regresso ao trabalho. Neste sentido, aproveitei para iniciar um projeto que ambicionava há algum tempo: uma horta. Tem sido todo um desafio, uma vez que não percebo muito do assunto, mas valha-nos as novas tecnologias para permitir uma pesquisa aprofundada. Na horta já habitam plantações de meloas, melões, melancias, tomates, couves, alfaces e salsa. Resta esperar uma ajudinha da mãe natureza e rezar para que o cão não se aventure por aqueles lados. Talvez tudo dê certo e o entusiasmo não seja perdido!

Desconfinar

Imagem
As saudades que eu tinha de ver este mar.

Caixa de Memórias

Gosto de guardar memórias numa caixa, sob a forma de fotografias gastas, objetos gentilmente oferecidos, cartas escritas e bilhetes das queimas das fitas um pouco rasgados. Quando o tempo o permite, gosto de as abrir e acreditar que as trago para junto de mim, como se pudesse viver novamente cada momento. Hoje revi-te nelas, no maravilhoso álbum que me fizeste, com legendas cuidadosamente delineadas. Dou-me conta de que já não me consigo lembrar de ti com tanta facilidade, o que faz com que o meu chão pareça menos seguro. Tento colocar-me no lugar da menina que fui no teu colo, mas nem sempre sou capaz de o fazer. Talvez por ser já uma pessoa diferente ou por simplesmente me falhar a memória, mas resta-me acreditar que, estejas onde estiveres, estás a olhar por mim.

(Re)Construir

Imagem
A preguiça tem tomado conta do meu corpo, que se foi habituando a estar preso dentro de quatro paredes. Quando por milagre a consigo combater, agradeço por o ter feito. São quilómetros de estrada ou de terra batida, sinónimos de liberdade que me dá ânimo para reconstruir tudo o que caiu. Sei que algumas coisas já não voltam e que umas quantas oportunidades já se perderam, mas aproveito sempre para depositar a minha esperança em novos desafios.

Escrever

Imagem
Sou terapeuta ocupacional e a minha profissão pouco tem de semelhante com a escrita. Quer dizer, normalmente desenvolvemos as competências de crianças e adultos para que possam adquirir e desempenhar a escrita, mas não trabalhamos muito a nossa. O gosto pela escrita sempre me acompanhou ao longo do meu percurso escolar, mas chegada a altura do ingresso na universidade tive de optar por aquilo que me poderia oferecer um futuro minimamente melhor. O que é certo é que a sensação de não me sentir completa prevaleceu, alongando-se aquando a entrada no mercado de trabalho.   Se não fosse este período de isolamento que nos impede de trabalhar no contexto a que estamos habituados, provavelmente continuaria a deixar a escrita para trás.  No entanto, tenho aproveitado para assistir a formações online sobre o tema, participar em  concursos e relaxar perante a organização de pensamentos que só a escrita me oferece. Apesar de gostar muito de ser terapeuta ocupacional, fico feliz por adquirir outr…

Organização do roupeiro

Imagem
Tenho tentado aproveitar todo este tempo livre para fazer tarefas adiadas há muito tempo. Uma delas é a arrumação do roupeiro, uma vez que no meu dia-a-dia acaba por ficar para segundo plano e a desorganização costuma estar (bastante) presente. Segundo a minha pesquisa, esta tarefa deveria ser repetida todos os meses, o que pelo menos para mim não me parece muito possível em condições normais. Desta vez tentei fazer uma limpeza e organização muito diferentes. Criei algum espaço extra para conseguir organizar melhor as minhas peças de roupa e acessórios. Aqui estão algumas das estratégias que implementei:

Retirar tudo do roupeiro e limpar o interior;Separar a roupa por tipo de peças (separar por cores não me faz muito sentido);Utilizar cabides fabricados para peças específicas (ex.: cintos, lenços e calças);Utilizar caixas e outros acessórios de arrumação para criar espaço extra;Usar cabides de diferentes tamanhos (vestidos e camisas, por exemplo, podem ser pendurados em cabides maisfi…