Páginas

domingo, 3 de julho de 2016

Aquela vontade de voltar a ter 10 anos


A história sempre se baseou no saber para onde ir, saber onde chegar. E a verdade é que o sentimento perante essa concretização é absolutamente construtivo e reconfortante. A real questão surge depois. Quando não conhecemos o caminho que se segue.

Sem comentários: