Páginas

segunda-feira, 6 de abril de 2015

Algures


E de um dia para o outro, o meu mundo virou ao contrário. Não o mundo que me rodeia e faz parte da minha vida, mas o meu mundo interior. Aquele que é feito dos meus pensamentos, convicções e esperanças.
Começo a achar que sou uma pessoa que muda de humor (demasiado) facilmente, o que não me permite encontrar aquilo que de mais próximo pode existir da estabilidade emocional. Preciso mesmo de encontrar um equilíbrio, um caminho.

Sem comentários: