Páginas

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

(?)


Até que ponto podemos deixar para trás algo em que apostamos (MUITO), porque deixou de fazer sentido?
Até que ponto podemos seguir os nossos sonhos sem sermos irresponsáveis e inconscientes? 
Até que ponto um sonho é realmente um sonho?

1 comentário:

Miguel Silva disse...

Até ao ponto que tu quiseres, a resposta é simples para as 3.

Quanto estás disposta a apostar e/ou abdicar em cada uma delas e, depois, seguir em frente