Páginas

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

(...)

Tudo tem um ponto final. Ou tudo haverá de o ter. Para que novas frases comecem.

Sem comentários: