Páginas

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Janeiro

Acho que não gosto muito de Janeiro, só por ser o primeiro do ano e de exercer sobre mim uma certa dose de pressão. Claro que sempre há aquela coisa de querer fazer tudo certinho logo no começo, o que aparentemente nos alimenta o ego, mas todos sabemos onde tal entusiasmo vai parar. Possivelmente, foi por isso que este mês passou a correr, sem que eu desse conta dele. E se olhar para trás, nem sei bem se tudo aconteceu como eu esperava e se aproveitei os dias da melhor forma. Talvez nada seja alguma vez perfeito.
O que é certo é que andei sempre a correr, por entre horas que supostamente deveriam de ser mais calmas, dada a distância de uma vida escolar normal. Pelo menos era essa a minha intenção quando decidi não entrar no ano passado para a faculdade! Mas tudo isto acontece porque não consigo estar parada e encontro uma nova actividade em qualquer canto. A minha mãe é que tem razão, quando diz que eu não ganho juízo e que daqui a uns anos não vou ter metade da disponibilidade psicológica que tenho hoje!
Mesmo assim, continuo a achar que estou naquela idade de aprender com os meus erros, de experimentar e de aproveitar o tempo da forma que mais me enriquece e prazer dá. Portanto, tu, ó maravilhoso mês de Fevereiro, vê lá se és amigável com a pessoa que vejo todos os dias no espelho e com todos aqueles que por esse mundo habitam!

2 comentários:

Sara Daniela disse...

nunca viste aquela frase na net que diz "i may look calm, but in my head, i've kill you 3 times"? xD é daí xp

A. disse...

Partilhamos do mesmo sentimento em relação a Janeiro! :)